Corpo

 
Facebook  Twitter  Instagram
Clique para Pesquisar no website
 
LOJA TERRAS DE S. PEDRO DO SUL
     

Integrada numa estratégia municipal de promoção dos recursos endógenos e de apoio à economia local, esta loja vende, em exclusivo, fruta, hortícolas, mel, compotas, bolos, vinho, entre outros, provenientes de agricultores/produtores do concelho e é, simultaneamente, um espaço de apoio técnico aos agricultores para os ajudar a retirar o máximo de rentabilidade das explorações no âmbito de uma agricultura responsável e sustentável.

Trata-se de um projeto da Câmara Municipal em parceria com associações locais, e além da venda destes diferentes produtos vindos diretamente do produtor, pode ainda fazer-se encomendas de cabazes de hortícolas e frutas.

A criação da marca “Terras de S. Pedro” visa valorizar a agricultura tradicional e familiar do concelho, promovendo todos os produtos locais de elevada qualidade e, simultaneamente, dinamizar uma das artérias comerciais da cidade.

CONTACTOS

Morada: Avenida António Correia de Oliveira, n.º 69, junto ao Cineteatro Jaime Gralheiro.
Contacto: 919 761 436
Facebook: https://www.facebook.com/terrasdespedro/

 

APOIO AOS PRODUTORES PARA CERTIFICAÇÃO EM MODO DE PRODUÇÃO BIOLÓGICO

A Agricultura Biológica é atualmente um instrumento para um desenvolvimento rural sustentável.

O Município de S. Pedro do Sul pretende promover o Modo de Produção Biológica junto dos produtores do concelho reconhecendo as suas vantagens aos mais diversos níveis:

• Os produtos de Agricultura Biológica contribuem para um melhor ambiente uma vez que se procura incrementar a limitação natural (favorecendo os auxiliares) e recorrendo a diversas medidas culturais, tais como a utilização de variedades resistentes a pragas e/ou doenças, as rotações, as consociações e a instalação de sebes vivas, entre outras. Só em último recurso, podem aplicar-se produtos fitofarmacêuticos de origem mineral, vegetal, animal ou microbiana aprovados e homologados para o efeito. Os adubos são também naturais e minerais aprovados para este modo de produção.

• Melhoria da Qualidade Alimentar uma vez que agricultura biológica não são aplicados adubos químicos, nem se pulverizam as plantas com pesticidas de síntese. Os estudos toxicológicos reconhecem a relação existente entre os pesticidas e certas patologias, como o cancro, as alergias, a asma, entre outras.

• Não são usados OGM (Organismos Geneticamente Modificados) na sua produção,

• É dada prioridade às variedades regionais na produção e a agricultura biológica adapta-se às características regionais;

• O método de produção respeita o bem-estar animal;

• Estes produtos têm vantagens em termos de comercialização uma vez que os consumidores estão mais informados e há uma procura crescente destes produtos;

• O crescimento do mercado da agricultura biológica torna este tipo de agricultura muito importante em termos de oportunidades de emprego. Assim, o Município de S. Pedro do Sul pretende incentivar a produção em Modo de Produção Biológico nos seguintes termos:

Atendendo à existência de um período de conversão (2 anos antes da sementeira das culturas anuais ou de 3 anos antes da colheita de frutos e de outras culturas perenes) e ás consequentes dificuldades iniciais neste período (Controlo de infestantes e pragas; custos de produção mais elevados; necessidade de mais mão de obra) consideramos pertinente a atribuição de um subsídio para a certificação no máximo de 480 euros por unidade de produção para os 3 anos de conversão. No caso de explorações que não necessitem de passar pelo período total de conversão, o subsidio incidirá sobre os anos de conversão que necessitarem. Outras situações serão analisadas individualmente.

São os seguintes os requisitos para os produtores poderem beneficiar deste apoio:

- A exploração agrícola tem que estar situada no concelho de S. Pedro do Sul;
- Os requerentes têm que ser novos produtores no MPB;
- Os requerentes disponibilizam-se a receber uma visita dos técnicos da autarquia na exploração e disponibilizar toda a informação por eles solicitada.

A candidatura a este subsídio é feita através do preenchimento de uma ficha de inscrição e disponibilização dos seguintes documentos:

- CC ou cartão de empresa;

- Dados da exploração ( identificação da exploração pelo IFAP- IE);

  • Preenchimento da ficha de candidatura abaixo apresentada

Os produtores deverão ainda apresentar prova dos contratos com a certificadora que escolheram 30 dias após o deferimento do apoio.

O pagamento deste subsidio será feito anualmente mediante apresentação da fatura do serviço de certificação.

Com atribuição deste subsídio os produtores serão obrigatoriamente acompanhados pelos técnicos agrícolas do município.

APOIO AOS PRODUTORES PARA CERTIFICAÇÃO EM MODO DE PRODUÇÃO BIOLÓGICO  | Ficheiro .pdf | 295 Kb | Download/Consultar

 
Termas S. Pedro do Sul
Gabinete de Atendimento ao Municípe
Espaços do Cidadão - S. Pedro do Sul
Gabinete do Empreendedor
SIG - Informação Geográfica
Orçamento Participativo - S. Pedro do Sul