Corpo

 
Facebook  Twitter  Instagram
Clique para Pesquisar no website
 
ROTA DA ÁGUA E DA PEDRA – MONTANHAS MÁGICAS
     

Rota de natureza para as serras de Montemuro, Freita e Arada e rios Vouga, Paiva e Douro.

7 Municípios – 100 Painéis – 200 Postos turísticos

Beleza…

A Rota da Água e da Pedra estende-se por 7 municípios, 2 serras e 3 rios. O território engloba os municípios Sever do Vouga, São Pedro do Sul, Castro Daire, Vale de Cambra, Arouca, Castelo de Paiva e Cinfães, constituindo as serras de Arada-Freita e Montemuro a primeira barreira a sul do Douro a intercetar as nuvens vindas do oceano. É por isso um território marcado por fortes chuvas com os rios Paiva, Vouga, Douro e seus afluentes a canalizarem toda esta água de volta ao oceano. Considerados dos rios menos poluídos da Europa com mais de 25 cascatas, não têm rival no nosso país. Os rios de montanha são férteis em piscinas naturais, contando-se mais de uma centena espalhadas por toda a região em rios como o Teixeira, o Varoso, o Paivô, o Mau, o Bestança ou o Cabril. Nos rios maiores, como o Vouga e o Paiva, são frequentes as praias fluviais, de onde se pode contemplar toda a beleza das Montanhas Mágicas.

Fenómenos…

Os fenómenos geológicos são frequentes, sendo motivo de curiosidade pela sua beleza e raridade: Pedras parideiras, pedras boroas e cebolas, falhas, livrarias quartzíticas, filões, montes, vales, monólitos e penedos, marcam a paisagem e representam importantes pontos de atração.

As trilobites gigantes e os icnofósseis presentes nos quartzitos, testemunham 480 milhões de anos da passagem da fauna pelas lamas do Paleozoico.

O homem tem presença marcada, interagindo ao longo dos séculos harmoniosamente com a paisagem. Socalcos, levadas, poldras, mariolas e bruxas, moinhos, pontes, minas, mosteiros, sepulturas, termas, estradas romanas, gravuras rupestres, acampamentos paleolíticos e monumentos megalíticos abundam pela região.

Diversidade…

A diversidade que existe na pedra e na água é generosa, com muitas espécies de animais, flora e habitats que encontraram refúgio nos vales encaixados e nos afloramentos rochosos das Montanhas Mágicas. O feto-vaqueiro, o azevinho, o azereiro, o narciso-das-turfeiras, o mirtilo, o pólio-das-rochas, a murbequélia e o narciso-das-Astúrias são algumas das plantas que aqui vivem, todas raras ou protegidas, muitas delas endémicas.

Entre os invertebrados, podemos observar a lesma-sarapintada, a borboleta apatura e a borboleta-azul-das-turfeiras, e as libélulas macrómia e esmeralda. Dos vertebrados o majestoso lobo, os morcegos cavernícolas e florestais, a salamandra-lusitânica e a toupeira-de-água, indicadores de ecossistema muito bem conservados. Dos habitats, as magníficas galerias ribeirinhas, os lameiros e turfeiras, os afloramentos rochosos e o adernal – formação dominada por aderno e outras plantas termófilas - , e os carvalhais de carvalho-alvarinho e carvalho-negral merecem destaque pela sua raridade e beleza.

A Rota da Água e da Pedra é tudo isto e muito mais, ou é simplesmente um pretexto para visitar as Montanhas Mágicas, desfrutar das suas paisagens simplesmente inacreditáveis, usufruir da gastronomia local, ser acolhido por gentes calorosas e pernoitar entre vales e serras.

Todos estes locais estarão acessíveis através de mais de 100 painéis e 200 sinais espalhados pelas Montanhas Mágicas. No guia elaborado para a Rota com fotografias originais e muitos conteúdos, e também disponibilizada informação atualizada acessível por internet e para dispositivos móveis. Por estas 101 razões, não deixe de visitar a RAP e as Montanhas Mágicas.

DOCUMENTOS

Brochura Rota da Água e da Pedra - Montanhas Mágicas | Ficheiro .pdf | 14,07 Mb | Download/Consultar
Coordenadas GPS - Rot da Água e da Pedra - Montanhas Mágicas | Ficheiro .pdf | 670 Kb | Download/Consultar

 
Termas S. Pedro do Sul
Gabinete de Atendimento ao Municípe
Espaços do Cidadão - S. Pedro do Sul
Gabinete do Empreendedor
SIG - Informação Geográfica
Orçamento Participativo - S. Pedro do Sul